Pesquisa inédita releva como a brasileira cuida do coração


Sociedade Brasileira de Clínica Médica mapeia histórico da saúde de mulheres e seus hábitos, a partir de levantamento com 692 mulheres

A Sociedade Brasileira de Clínica Médica está empenhada a mudar o estarrecedor panorama da incidência de problemas cardíacos entre as mulheres brasileiras. Por meio da campanha Mulher Coração, cuja embaixadora é a diretora do instituto Ayrton Senna, Viviane Senna, realiza ações permanentes de conscientização sobre a importância da prevenção e redução dos altos índices de mortalidade.

Acesse o resultado da pesquisa

 

CAMPANHA SAÚDE DO
CORAÇÃO DA MULHER



Até pouco tempo, havia o mito de que problemas do coração eram próprios dos homens. Uma realidade que se alterou bastante nas últimas gerações. Com a mudança no estilo de vida, as mulheres passaram a exercer um novo papel, que representou importante conquista histórica para o sexo feminino. Por outro lado, também atingiu diretamente a saúde do coração, com o consequente aumento do risco de problemas cardíacos.

PORQUE SE PREOCUPAR

As doenças cardiovasculares na mulher já ultrapassam as estatísticas dos tumores de mama e útero.
Segundo dados recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS), respondem por um terço das mortes no mundo, com 8,5 milhões de óbitos por ano, ou seja, mais de 23 mil mulheres por dia.
Entre as brasileiras, principalmente acima dos 40 anos, as cardiopatias chegam a representar 30% das causas de morte, a maior taxa da América Latina.
Irene Ravache a apoia a campanha Mulher Coração.
Fofão a apoia a campanha Mulher Coração.
Maitê Proença apoia a campanha Mulher Coração.
Pesquisa inédita releva como a brasileira cuida do coração.

Compartilhe essa campanha

 

CONFIRA OS ÚLTIMOS POSTS DE NOSSO BLOG



20 de janeiro de 2020

Corpo em movimento: os benefícios do exercício

Junto com a internet, a imposição de padrões estéticos também se intensificou entre as mulheres. Elas buscam a atividade física como caminho para atingir o sonhado […]
16 de janeiro de 2020

E o coração depois do parto, como fica?

Para mulheres com doenças no coração, o período pós-parto é o mais crítico. Isso porque, ao se preparar para dar luz ao bebê, o organismo passa […]
15 de janeiro de 2020

É possível conciliar a gestação e a cardiopatia?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) desenvolveu uma categorização dos tipos de doença cardíaca e seus riscos durante a gravidez. Após a realização dos exames, o […]
 

CONFIRA OS ÚLTIMOS VÍDEOS DOS APOIADORES DA CAMPANHA MULHER CORAÇÃO



fundo parallax
 

REALIZAÇÃO

PATROCÍNIO

REALIZAÇÃO

Sociedade Brasileira de Clínica Médica

APOIO


INSTITUCIONAL

Marjan Farma

APOIADORES