Cardiopatias, gravidez e medicamentos
13 de abril de 2020
Sai Chikungunya
22 de abril de 2020

Gravidez sem álcool

Álcool e gravidez não combinam. O consumo de bebidas alcoólicas durante a gestação pode trazer complicações e acarretar consequências para o bebê. Quando a gestante ingere álcool, o feto pode desenvolver a Síndrome Alcoólica Fetal (SAF), condição capaz de provocar vários tipos de má-formações congênitas faciais, neurológicas, cardíacas e renais. Além disso, a SAF é a principal causa não hereditária de deficiência mental.

De acordo com estudos, não existe nível seguro de consumo de álcool para a gestante. Apesar da SAF não ter cura, o diagnóstico precoce, em conjunto a uma instituição de tratamento multidisciplinar ainda na primeira infância, podem atenuar as manifestações da doença.Então, é fundamental a consciência das mulheres e a tolerância zero para a ingestão de álcool ao longo da gravidez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *