Desvendando a síndrome metabólica

Riscos cardíacos por tratamento oncológico
14 de abril de 2022

Desvendando a síndrome metabólica

Glicose e colesterol nas alturas, peso acima do recomendável e pressão elevada. Esses são alguns dos problemas de saúde que, quando agrupados, formam a síndrome metabólica.

Entenda melhor

A síndrome metabólica é uma doença moderna, associada à obesidade, como resultado da alimentação inadequada e do sedentarismo.

É um conjunto de fatores de risco que se manifestam em um indivíduo e aumentam as chances de desenvolver doenças cardíacas, derrames e diabetes. Tem como base a resistência à ação da insulina (hormônio responsável pelo metabolismo da glicose), daí também ser conhecida como síndrome de resistência à insulina.

Vale lembrar que a insulina age nos tecidos, obrigando o pâncreas a produzi-la ainda mais, elevando o seu nível no sangue.

Existe prevenção!
Não tem para onde fugir: é preciso mudar o estilo de vida e assim evitar o desenvolvimento dessas complicações.

A atividade física regular e a perda de peso são as melhores formas para prevenir e tratar. Detectar o problema precocemente pode reduzir o aparecimento de futuras doenças cardíacas.

E claro, para que tudo seja feito de maneira correta, a orientação médica e o acompanhamento com exames periódicos são mandatórios. Somente assim, o paciente terá o acompanhamento necessário e na medida certa para seu organismo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *